Torre Malakoff apresenta a exposição "Uma ponte para duas cidades" a partir desta quarta (15) - TV Pernambuco

Notícias

Torre Malakoff apresenta a exposição “Uma ponte para duas cidades” a partir desta quarta (15)

expo ponte slide
Exposição aprovada no Edital de Artes Visuais 2015 fala da relação afetiva do viajante com a cidade

 

A partir desta quarta-feira (15), a Torre Malakoff apresenta a exposição Uma ponte para duas cidades. De autoria da pernambucana Carol Lopes, a mostra tem curadoria de Douglas de Freitas, e expõe um guia afetivo sobre a relação de um viajante com duas cidades que são o eixo da sua vida. A abertura acontece às 19h, e conta com a presença da artista e do curador. A exposição foi aprovada no Edital de Artes Visuais 2015 da Prefeitura do Recife.

Esse guia afetivo parte do imaginário da artista e é formado por fotografias vindas do Museu da Cidade do Recife e do Museu da Cidade de São Paulo. A partir de colagens, composições e sobreposições, é possível ver os rastros da passagem de Carol por essas duas cidades. Os vestígios do que eram dois espaços distintos, se transformam em um único e novo lugar onde novas relações e sentidos passam a habitar.

O presente trabalho propõe uma investigação de um uso que fuja dessa simples e mera nostalgia de usar uma imagem do passado: ele busca uma aplicação dessas imagens de forma que elas possam atuar de maneira viva no presente. Ele investiga o uso de um suporte que seja capaz de emanar possíveis fotografias inéditas que possam contar e gerar novos sentidos perceptivos. Uma reflexão não só sobre uma possível fotografia esquecida, mas também sobre outras novas, inéditas, construídas.

O passado de um acervo, o presente de guia afetivo de um viajante e as projeções de um lugar que é o eterno vir a ser. E é nesse eterno loop anacrônico que surge o espaço onde fotografias inéditas estão à espera de uma ação, tanto do fotógrafo quanto do espectador participante, para assim poderem gerar diferentes sentidos de mundo.

A exposição Uma ponte para duas cidades fica aberta à visitação pública no período de 16 de junho a 22 de julho, na Torre Malakoff, Praça do Arsenal, s/n, bairro do Recife. O horário é de terça à sexta-feira, das 10h às 17h; sábados, das 15h às 18h; e domingos das 15h às 19h. A entrada é franca. Informações: 3184.3180

Carol Lopes – Nasceu no Recife/PE. É graduada em Arte e Mídia pela Universidade Federal de Campina Grande e pós-graduada em Fotografia pelo Senac-SP, tem como foco em sua produção artística o uso da linguagem da fotografia. Entre 2006 e 2013, integrou o coletivo Cia de Foto.

Douglas de Freitas – Curador de Artes Visuais do Museu da Cidade de São Paulo. Entre suas curadorias destaca-seGuerra do Tempo de Marilá Dardot na Chácara Lane, 2016, Arte à Mão Armada de Carmela Gross, 2016. Desde 2012 é curador das exposições na Capela do Morumbi, onde realizou a performance de Maurício Ianês, as instalações de Tatiana Blass, Lucia Koch, Iran do Espírito Santo, Felipe Cohen e Laura Belém; e a instalação de Sandra Cinto na Casa do Sertanista. Foi selecionado na Temporada de Projetos 2012 do Paço das Artes (SP) com projeto na categoria Curadoria. A mostra Instável reúne obras de Ana Paula Oliveira, Laura Belém, Laura Vinci, Marcelo Mosqueta, Geórgia Kyriakakis, Maurício Ianês e Marina Weffort. Entre 2010 e 2012 foi coordenador do Edital de Arte na Cidade da Secretaria municipal de Cultura de São Paulo (7 projetos de grande escala em espaços públicos). Foi contemplado com o Prêmio Funarte de Arte Contemporânea 2013 – Sala Nordeste de Artes Visuais, pelo PROAC artes visuais 2013, com o projeto com intervenções dos artistas Débora Bolsoni, Wagner Malta Tavares e Laura Vinci, e pelo Edital de Artes Visuais da Prefeitura do Recife, com curadoria a ser realizada ainda em 2015 no Museu Murillo La Greca.

 

Serviço:

Abertura da exposição Uma ponte para duas cidades, de Carol Lopes

Quando: quarta-feira, dia 15 de junho

Horário: 19h

Local: Torres Malakoff, Praça do Arsenal, s/n, Bairro do Recife

Período de visitação: de 16 de junho a 22 de julho

Horário de visitação: de terça à sexta-feira, das 10h às 17h; sábados, das 15h às 18h; e domingos das 15h às 19h.

Entrada franca.

Informações: 3184.3180