A hanseníase é o tema do próximo episódio do programa Ser Saudável (28), às 20h30 - TV Pernambuco

Notícias

A hanseníase é o tema do próximo episódio do programa Ser Saudável (28), às 20h30

A hanseníase é o tema do próximo episódio Ser Saudável (28), às 20h30. Uma doença infecto-contagiosa que, se tratada adequadamente, pode ser curada. Antigamente conhecida como lepra, a Hanseníase já foi responsável por milhares de casos de mutilação e isolamento, causando imensos prejuízos aos doentes e seus familiares. Hoje, mesmo com a cura, pessoas com hanseníase ainda enfrentam o estigma da doença.

No programa, a médica e apresentadora Dra. Lívia Hartmann de Souza, viaja ao Mato Grosso, estado com alto índice de casos de Hanseníase, para conhecer duas pessoas que superaram a doença. Como alguns sintomas podem ser confundidos com reumatismo, a dona de casa Odete Ferreira dos Santos, 65 anos, demorou até conseguir o diagnóstico correto de Hanseníase. Já o ex-motorista e pescador Juvenal Francisco da Silva, 56 anos, descobriu a doença logo no início. Mas por causa do preconceito hesitou em tomar a medicação, e só depois da insistência da esposa, ele começou o tratamento.

Participam do episódio, o coordenador do Programa Estadual de Controle da Hanseníase do Mato Grosso, Cícero Fraga, o médico de família em Cuiabá/MT, Weley Peres, e a médica do Ambulatório de Dermatologia Sanitária da Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul, Letícia Maria Eidt. Os especialistas explicam como a doença pode ser transmitida e quais os sintomas e partes do corpo mais atingidas.

O conteúdo do programa foi produzido sob orientação da Dra. Nêmora Barcellos, do Programa de Pós Graduação em Saúde Coletiva da Unisinos.

Da TV Brasil