No último dia 15 de março, os trabalhadores se concentraram em pelo menos quatro pontos diferentes: Praça Oswaldo Cruz, Praça do Derby,  Avenida Mário Melo e Praça Chora Menino. A ideia foi de pressionar o atual governo, presidido por Michel Temer e também de sensibilizar a população sobre os danos da aprovação da reforma da previdência. Trabalhadores em Educação de Pernambuco se reuniram na Praça Oswaldo Cruz, no Recife.